Principais mitos e verdade sobre empreendedorismo

Ser empreendedor é se deparar com mitos e verdades e para cada um o processo é diferente, porque envolve histórico pessoal, rede de relacionamento, modelo de negócio, expertise e muitas outras variáveis. É muito comum para quem ainda não empreendeu ou está na fase inicial ter uma visão distorcida e, às vezes, romantizada a respeito do empreendedorismo.

Foto: Thales Barreto/ Santo Conteúdo
Foto: Thales Barreto/ Santo Conteúdo

Para melhor compreensão trouxe dados de uma pesquisa realizada pelo SEBRAE-SP (2014) que elucida essa visão dos principais mitos em empreender antes e depois de abrir o negócio:

Ser dono do negócio faz com que você corra menos atrás de dinheiro

Dono de negócio pode tirar férias quando quiser

Ser dono do próprio negócio faz com que você tenha mais tempo para se dedicar  à família e aos amigos

Ser dono de negócio não faz você se sentir só, sem ter com quem compartilhar seus problemas

Dono de negócio trabalha menos que funcionári

Uma ideia boa é o suficiente para enriquece

E então, você se identificou com a pesquisa, o quanto isso reflete seu momento atual? A pesquisa, apesar de não ser tão recente, mantém sua contemporaneidade. Na tentativa de justificar alguns dados fiz um comparativo do último estudo GEM (2016) que é um dos maiores estudos de empreendedorismo realizado em 69 países.

Muitas das situações enfrentadas pelos empreendedores não são previstas no planejamento, ao menos, como deveria. Empreender é uma trajetória de acertos e erros, mas o que se espera é que sejam minimizados, o máximo possível. Afinal, o dia a dia gera muito aprendizado.

No quesito “De correr  menos atrás de  dinheiro” pode ter influência que o maior  percentual de distribuição de renda de empreendedores iniciais (28,8%)  é de mais de 2 a 3 salários mínimos, o que pode estar diretamente ligado a   necessidade urgente de gerar caixa, implicando na baixa capacidade de capital de giro.  Outro fato limitante é o acesso a recursos financeiros que pela maioria dos empreendedores foi uma condição a ser melhorada.

“O fato de se sentirem sozinhos” tem muita influência no quanto os empreendedores estão abertos a compartilharem seus dilemas, ideias e melhores práticas. O quanto você investe do seu tempo para fazer esse exercício de troca? Pode ser que você não saiba o caminho,  mas não deixe de mapear essas oportunidades de conexões que são promovidas por grupos de empreendedorismo, entidades de classe, universidades e associações comerciais.

“Uma ideia boa é suficiente para enriquecer” pode estar atrelado ao fato de que empreender está entre os principais sonhos dos brasileiros, ocupando o 4º lugar. Considere que uma ideia não se sustenta por si só, são várias etapas a serem estudadas até tirar a ideia do papel. Quase metade dos brasileiros, 42%, empreendeu por necessidade! Isso normalmente implica na falta de planejamento adequado, poucos recursos e muita ansiedade para fazer o negócio dar certo.

Ficou curioso, acessa lá a pesquisa.

Denise Dariva
Consultora e Mentora
denise@sinergiacriativa.com.br

2 comments on “Principais mitos e verdade sobre empreendedorismo

  1. Parabéns pelo texto!

    Na prática eu já tinha visto várias dessas situações. Já vi pessoas ficarem com a ideia genial guardada à sete chaves, achando que essa ideia faria toda a diferença e que por algum milagre encontraria alguém que financiaria ou faria o projeto para eles. Sem generalizar, mas muitos desses estarão no futuro falando: “eu tive a ideia para esse negócio antes do fulano”, mas o fulano foi lá e fez!

    O empreendedor é aquele que consegue colocar a ideia em prática com os poucos recursos que tem em mãos, criando provas de conceito e apresentando a ideia com humildade, recebendo críticas o tempo todo, e melhora o produto através do feedback que recebe.

    Um abraço

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.